Cloud x On-premises x Híbrido: o que são e como escolher
29 de janeiro de 2024
clound

Com a evolução da tecnologia, as empresas estão buscando formas de otimizar suas operações de gerenciamento de dados. A transformação digital tem sido um fator importante nesse processo. 

As empresas estão analisando e comparando diferentes modelos de infraestruturas de TI, incluindo cloud on-premise e híbrido, para determinar qual é o melhor para suas necessidades. Cada modelo tem seus próprios benefícios e desafios.

O que é Computação em Cloud:

A computação em nuvem é uma tecnologia que permite que os usuários acessem recursos de computação, como servidores, armazenamento e aplicativos, pela Internet. A computação em nuvem é mais barata do que a computação on-premises, pois não requer a compra de hardware e software caros. 

Além disso, a computação em nuvem é altamente escalável, o que significa que você pode aumentar ou diminuir seus recursos de computação conforme o seu cenário, sem a necessidade de aquisição de diversos hardwares adicionais. Ainda, outra vantagem é que as atualizações serem feitas automaticamente no VMS em nuvem, sem ser necessário realizar qualquer contratação adicional. 

O que é Computação On-premises:

A computação on-premises é uma tecnologia que permite que os usuários acessem recursos de computação em seus próprios data centers ou servidores. A computação on-premises é mais cara do que a computação em nuvem, pois requer a compra de hardware e software adicionais, sendo recursos muito caros. Além disso, há a necessidade de existir um local adequado para os servidores, por exemplo, com climatização e proteção elétrica para evitar danos, além de ser seguro contra invasões, tornando toda essa manutenção muito custosa.

Logo, a computação on-premises não é escalável, o que significa que você precisa comprar mais hardware e software se precisar de mais recursos de computação. Além disso, qualquer atualização necessária para o sistema precisa ser contratada. 

O que é Computação Híbrida: 

A computação híbrida é uma combinação de computação em nuvem e computação on-premises. Ela permite que os usuários acessem recursos de computação em seus próprios data centers e na nuvem. 

A computação híbrida é escalável e pode ser mais barata do que a computação on-premises, pois é possível usar a nuvem para recursos de computação adicionais. No entanto, pode ser mais complexa do que a computação em nuvem ou on-premises, pois requer a integração de dois ambientes de computação diferentes.

Qual o melhor: Cloud, On-premises ou Híbrido?

Geralmente, a melhor abordagem é o cloud. O armazenamento em nuvem é altamente escalável, o que significa que é possível facilmente aumentar ou diminuir o espaço de armazenamento conforme necessário. E, como os dados são armazenados em servidores remotos, não será preciso se preocupar com a perda de dados em caso de falha de hardware ou outros problemas.

Vantagens do VMS em nuvem da Monuv:

  • Estabilidade: plataforma madura com mais de 6 anos de mercado e nível de disponibilidade acima de 98%.
  • Flexibilidade: capacidade de conectar praticamente qualquer câmera IP ou DVR, de qualquer marca ou modelo.
  • Analíticos “as a service”: possibilidade de ativar recursos de análise de vídeo em qualquer câmera conectada à plataforma.
  • ​Monitoramento de conectividade: detecção automática de falhas de conexão com notificação.
  • Gestão: facilidade de gestão de todas as câmeras gerenciadas pela empresa através de um dashboard com filtros por cliente, por status de conexão, por tipo de tecnologia dentre outros.
  • Compartilhamento: múltiplas formas de distribuição de acesso para usuários ou visitantes, com ou sem necessidade de criação de usuário, por email, link ou código QR.
  • Controle: diferentes níveis de permissão de acesso com registros de acesso e de ações no sistema.
  • Segurança colaborativa: recurso de criação de grupos de membros e câmeras visando o aumento da segurança de uma região e maior poder de rentabilização do parceiro.
  • Liberdade: o acesso pode ser feito de qualquer navegador ou equipamento, ou através de aplicativos iOS ou Android.
  • Fidelização: sua marca é exibida ao usuário em cada acesso.
  • Integração: possibilidade de integrar com softwares terceiros de Central de alarmes e portaria remota.
  • Facilidade de consulta: recursos para rápida visualização, recuperação e controle do vídeo como player ao vivo, linha do tempo histórica, controles de velocidade, mosaicos, navegação na linha do tempo em múltiplas câmeras simultaneamente, download simples e pesquisa por miniatura.

Conclusão

A Monuv é a solução perfeita para quem trabalha com segurança eletrônica e quer armazenar na nuvem as imagens geradas por qualquer câmera ou DVR. Além de permitir o backup em nuvem, o VMS da Monuv entrega outras camadas de serviço que podem ser diferenciais na entrega de valor aos clientes de uma empresa de segurança eletrônica, permitindo:

  • O acesso compartilhado das imagens e eventos à rede de usuários e clientes cadastrados
  • O backup em nuvem com baixo investimento inicial
  • Aplicar Inteligência Artificial para monitoramento das imagens geradas
  • Eficiência operacional e redução de custos
  • Viabilizar projetos de Segurança Colaborativa, integrando centrais de monitoramento e poder público

A solução da Monuv já alcança todos os Estados do Brasil, com mais de 30 mil câmeras conectadas na plataforma e possui mais de 15.000 empresas de segurança parceiras em todo o país.

SEJA UM PARCEIRO MONUV!

Índice

compartilhe

Leia mais…